O meu coração não tem cor

Portuguese

O meu coração não tem cor

Andamos todos a rodar na roda antiga
I think that slightly she's saying "Let's make a circle, the old circle"
(We are) singing in this language that tastes like honey and salt
What is far away (now) becomes closer with the melodies (=when we sing them)
(melodies) which make a celebration among three continents

Dança-se o samba, a marrabenta também
Chora-se o fado, rola-se a coladeira
P'la porta aberta pode entrar sempre alguém
Se está cansado, diz adeus à canseira

Vai a correr o corridinho
Que é bem mandado e saltadinho
E rasga o funaná, faz força no malhão
Que a gente vai dançar sem se atrapalhar
No descompasso deste coração

E como é? E como é? E como é?
Vai de roda, minha gente, vamos todos dar ao pé

Estamos de maré, vamos dançar
Vem juntar o teu ao meu sabor
Põe esta canção a navegar
Que o meu coração não tem cor

Estamos de maré, vamos dançar
Vem juntar o teu ao meu sabor
Põe esta canção a navegar
Que o meu coração não tem cor

Andamos todos na ciranda cirandeira
Preguiça doce e boa, vai de lá, vai de cá
Na nossa boca uma saudade desordeira
De figo, de papaia e de guaraná
Vira-se o vira e o merengue também
Chora-se a morna, solta-se a sapateia
P'la porta aberta pode entrar sempre alguém
Que a gente gosta de ter a casa cheia

Vamos dançar este bailinho
Traz a sanfona, o cavaquinho
A chula vai pular nas voltas do baião
Que a gente vai dançar sem se atrapalhar
No descompasso deste coração

E como é? E como é? E como é?
Keep/come yourselves around on the circle, people, let's show our feet

Estamos de maré, vamos dançar
Vem juntar o teu ao meu sabor
Põe esta canção a navegar
Que o meu coração não tem cor

Estamos de maré, vamos dançar
Vem juntar o teu ao meu sabor
Põe esta canção a navegar
Que o meu coração não tem cor

Hey!
(And turn back, turn back just to finish the dance/song)
Because my heart has not a color

Try to align
English

O meu coração não tem cor

'We all are going/moving around the old circle'
Cantando nesta língua que é de mel e de sal
O que está longe fica perto nas cantigas
Que fazem uma festa tricontinental

Samba is danced over there, Marrabenta too (They/People dance samba (there), and they also dance marrabenta)
Fado cries, coladeira plays/runs on the loose
Someone is always allowed to come in by that open door(=is always welcome to)
If you are tired, say your tiredness good-bye (=now is time to dance!)

Corridinho is going to start/run/play
which is well/divinely/perfectly played/executed and saltadinho
Funará and malhão executes/plays/runs vigorously/freneticaly
And we will dance together and won't get confused dancing
In the disaggangement of this heart

And tell me the way this is done
Keep/come yourselves around on the circle, people, let's show our feet

We are on the mood, let's dance
Come on, blend your taste/flavor to mine
Let this song sail away
Because my heart has not a color (= has not a preference for any race)

We are on the mood, let's dance
Come on, blend your taste/flavor to mine
Let this song sail away
Because my heart has not a color

Let's go dancing ciranda
Sweet and nive slow/smoth moves, bodies are swinging
In our mouths there is a blasting longing (=we are singing with a blasting longing)
for figo, papaya and guaraná
We dance 'vira' and 'merengue' too
The morna plays/cries, sapateia plays/runs free and on the loose
Someone is always allowed to come in by that open door
Because we like it when our home is full of people

Let's dance this dance/rhytm
Bring an accordion, and cavaquinho
Chula will dance in the beat of baião
And we will dance together and won't get confused dancing
In the disaggangement of this heart

Vai de roda, minha gente, vamos todos dar ao pé

We are on the mood, let's dance
Come on, blend your taste/flavor to mine
Let this song sail away
Because my heart has not a color

We are on the mood, let's dance
Come on, blend your taste/flavor to mine
Let this song sail away
Because my heart has not a color

(E vai de volta, vai de volta, p'ra acabar)
Que o meu coração não tem cor

Submitted by algebra on Fri, 01/01/2010 - 00:00
0
Your rating: None
Comments