Tarja Turunen - Crimson Deep (Portuguese translation)

Portuguese translation

Carmesim Escuro

De vez em quando, vejo meu pulso
Sinto-me dormente, é tão surreal
Sangue nos meus lábios, sinto o chumbo pesado1
O que posso achar atrás do espelho?
Nunca vou saber
De quem é o reflexo?
 
Devo criar para você o outro mundo?
Um mundo diferente?
Escutei as vozes dos Campos Elísios2
O perfume de um desejo súbito, nunca está
Por todo canto
Leia para mim o que está entre os espaços
 
Venha até mim
Eu chorei, preciso de ti
Estou procurando as portas dobráveis no interior
Da minha alma perdida na escuridão
 
Oculto entre meus pulmões,
Meu coração está em chamas
Ensine-me como, deixe-me ver além
Vou encontrar meu precipício avermelhado3
 
Afiada é a ponta de toda descoberta
Agora vejo que
Ter uma cicatriz sem sofrimento é impossível
Aguardarei até meu último suspiro, sem remorso
Quem é o culpado?
Moldando os sinais que me foram deixados
 
Venha até mim
Eu chorei, preciso de ti
Estou procurando as portas dobráveis no interior
Da minha alma perdida na escuridão
 
Oculto entre meus pulmões,
Meu coração está em chamas
Ensine-me como, deixe-me ver além
Vou encontrar meu precipício avermelhado3
 
  • 1. Provavelmente uma referência à presença de ferro no sangue, um outro elemento químico
  • 2. Campos Elísios: espécie de paraíso na mitologia grega
  • 3. a. b. Literalmente, "crimson" significa "carmesim", um tipo de vermelho mais forte
Submitted by Josemar on Wed, 27/12/2017 - 22:19
English

Crimson Deep

More translations of "Crimson Deep"
PortugueseJosemar
Tarja Turunen: Top 3
See also
Comments