Globus - In Memoriam (Portuguese translation)

Portuguese translation

Em Memória

Resistente e livre
Até o fim dos tempos
Os Céus narram
A glória do amor1
 
Em meio à esperança e o medo
Acorrentado, mas ainda assim destemido
Gentil e honroso é
Morrer pela pátria
 
Quem deseja paz, deve se preparar para a guerra
A vida foi emprestada ao homem, não oferecida2
Que seja eterno
A honra é a recompensa pela boa contuda
 
Nada é certo para o homem
Eu era o que tu és, tu serás o que eu sou
Na eterna lembrança
Nós somos o pó e a sombra, renascidos3
 
Incêndio, direto da alma, o fim coroa nossa obra
Em memória, nas alturas, que a paz esteja convosco
A paz e o bem
 
Na eterna lembrança
 
Na eterna lembrança
 
  • 1. Amor deveria estar no genitivo (amoris), mas o intérprete diz "amor", que é vocativo/nominativo
  • 2. Ou, literalmente: o homem foi emprestado à vida, não oferecido
  • 3. "Redivivus" está no singular, mas, por questão de concordância, deveria estar no plural
Submitted by Josemar on Sun, 07/01/2018 - 22:48
Author's comments:

Essa é uma típica canção em latim que consiste em frases soltas, sem qualquer ligação uma com a outra. Resumindo: não tente achar sentido ou qualquer mensagem na letra, pois isso parece mais uma coleção de ditados.

Latin

In Memoriam

Comments