Le persone sensibili (As pessoas sensíveis)

Portuguese

As pessoas sensíveis

As pessoas sensíveis não são capazes
De matar galinhas
Porém são capazes
De comer galinhas
 
O dinheiro cheira a pobre e cheira
À roupa do seu corpo
Aquela roupa
Que depois da chuva secou sobre o corpo
Porque não tinham outra
O dinheiro cheira a pobre e cheira
A roupa
Que depois do suor não foi lavada
Porque não tinham outra
 
"Ganharás o pão com o suor do teu rosto"
Assim nos foi imposto
E não:
"Com o suor dos outros ganharás o pão".
 
Ó vendilhões do templo
Ó construtores
Das grandes estátuas balofas e pesadas
Ó cheios de devoção e de proveito
 
Perdoai-lhes Senhor
Porque eles sabem o que fazem.
 
Submitted by Manuela Colombo on Fri, 04/08/2017 - 14:31
videoem: 
Align paragraphs
Italian translation

Le persone sensibili

Le persone sensibili sono incapaci
Di ammazzare galline
Però sono capaci
Di mangiare galline
 
Il denaro puzza di povero e puzza
Dei panni sul suo corpo
Quei panni
Che dopo la pioggia son asciugati sul corpo
Perché non ce n’erano altri
Il denaro puzza di povero e puzza
Di panni
Che dopo il sudore non son stati lavati
Perché non ce n’erano altri
 
«Guadagnerai il pane col sudore della tua fronte»
Così ci fu ordinato
E non:
«Con il sudore altrui guadagnerai il pane»
 
O mercanti del tempio
O costruttori
Delle grandi statue massicce e pesanti
O pieni di devozione e di profitti
 
Perdonali Signore
Perché loro sanno quel che fanno
 
Submitted by Manuela Colombo on Fri, 04/08/2017 - 14:32
Author's comments:

Traduzione fatta da Manuela Colombo. Chi volesse riutilizzarla, è pregato di chiederne prima l’autorizzazione e di citare sempre il mio nome come autore.
Tradução feita por Manuela Colombo. Caso você queira reutilizá-la, por favor peça por permissão antes e sempre cite meu nome como o do autor.
Translation done by Manuela Colombo. In case you want to reprint it, please ask for permission first and always cite my name as its author.

More translations of "As pessoas sensíveis"
Portuguese → Italian - Manuela Colombo
Sophia de Mello Breyner Andresen: Top 6
Comments