The old and the young man

португалски

O velho e o moço

Deixo tudo assim
não me importo em ver a idade em mim, ouço o que convém
eu gosto é do gasto
Sei do incômodo
e ela tem razão quando vem dizer que eu preciso sim
de todo o cuidado
E se eu fosse o primeiro a voltar pra mudar o que eu fiz,
quem então agora eu seria?

Ah tanto faz e o que não foi não é
eu sei que ainda vou voltar mas eu quem será?

Deixo tudo assim,
nao me acanho em ver vaidade em mim, eu digo o que condiz
eu gosto é do estrago
Sei do escândalo e eles tem razão quando vem dizer que eu não sei medir
nem tempo e nem medo
E se eu for o primeiro a prever e poder desistir do que for dar errado?

Ah ora se não sou eu quem mais vai decidir o que é bom pra mim?
Dispenso a previsão
Ah se o que eu sou é tambem o que eu escolhi ser
Aceito a condição

Vou levando assim que o acaso é amigo do meu coração quando fala comigo
Quando eu sei ouvir

Try to align
енглески

The old and the young man

I leave it as it is
Don't mind seeing my age, I listen what conveys
What I really like is what's worn off
I know it bothers
And she's right to tell me that I do need
To be careful
What if I'm the first to come back to change what I've done,
who would I then be?

Oh whatever may be and what was not will not be
I know I'll be back but who will I be?

I leave it as it is,
Don't bother to see vanity in myself, I say what should be said
What I really like is the damage it does
I know about the scandal and they are right to tell me that I can't measure
Time and fear
What if I'm the first to predict and be able to give up something that will do wrong?

Oh well if it's not me who else can choose what's good for me?
I don't care for a prediction
Oh if I am what I choose to be
I accept my condition

I carry on 'cause uncertainty is a friend of my heart when it speaks to me
When I'm smart enough to hear

Поставио/ла: gsbenke У: Понедељак, 27/02/2012 - 02:06
захваљено 3 пута
Guests thanked 3 times
0
Ваша оцена: None
Comments