O.A. Ramos - "A Velhice"

Portuguese

"A Velhice"

Ele se acorde na manhã dum sonho belo com dor nos joelhos.
Ele se põe alguns chinelos pobres e se prepara um cafezinho.
Na reflexão do prato pequeno se vê como é: cansado e velho.
Tomando sua bebida quente ele se lembra de seu irmãozinho.
O samba africano de suas lembranças já lhe parece zarelho.
As aspirações de sua alma antiga já lhe parecem mesquinhos.
O homem velho somente quer viver simples ora, como o coelho.
 
Submitted by O.A. Ramos on Tue, 01/08/2017 - 16:40
Last edited by O.A. Ramos on Thu, 10/08/2017 - 19:48
Submitter's comments:

O português não é o meu idioma natal; actualmente é a minha terça língua. Por isso, se vocês tiverem sugestões para a rectificação do meu trabalho original, avisem-me. Muito obrigado. Please don't post my writings on other sites without my explicit permission beforehand. I just would like to know where it my intellectual property is going.

Thanks!
Comments