Céline Dion - Quand on n'a que l'amour (Portuguese translation)

Portuguese translation

Quando Só Temos Amor

Quando só temos amor
Para dividir uns com os outros
No dia da grande jornada
Que é esse nosso grande amor
 
Quando só temos amor
Meu amor, eu e você,
Para explodir de alegria
Toda hora e toda dia
 
Quando só temos amor
Para viver nossas promessas
Sem nenhuma outra riqueza
Em que acreditar sempre
 
Quando só temos amor
Para encher de maravilhas
E cobrir com o sol
A feiura dos subúrbios
 
Quando só temos amor
Como única razão
Como única canção
E única ajuda
 
Quando só temos amor
Para vestirmos a manhã
Pobres e malandros
Com mantos de veludo
 
Quando só temos amor
Para oferecer em oração
Pelos maus da terra
Em uma poesia simples
 
Quando só temos amor
Para oferecer a aqueles
Cuja única luta
É a de procurar pelo dia
 
Quando só temos amor
Para traçar um caminho
E forçar o destino
Em todas esquinas
 
Quando só temos amor
Para falar aos canhões
E nada além de uma canção
Para convencer um tambor
Agora, sem ter nada
Além da força de amar
Nós teremos em nossas mãos
Amigos pelo mundo inteiro
 
Translation done by Alma Barroca. In case you want to reprint it, please ask for permission first and always cite my name as its author. /
Tradução feita por Alma Barroca. Caso você queira reutilizá-la, por favor peça por permissão antes e sempre cite meu nome como o do autor.
Submitted by Alma Barroca on Sun, 31/12/2017 - 20:22
Last edited by Alma Barroca on Tue, 02/01/2018 - 21:13
Author's comments:

Feliz ano novo, LT! Regular smile

5
Your rating: None Average: 5 (1 vote)
French

Quand on n'a que l'amour

More translations of "Quand on n'a que ..."
PortugueseAlma Barroca
5
See also
Comments
Josemar    Mon, 01/01/2018 - 23:49
5

Impecável, Juan! Só um detalhe insignificante, se me permite: você esqueceu do acento agudo em "nós", na última estrofe. Abraços!

Alma Barroca    Tue, 02/01/2018 - 21:13

Obrigado pelo voto e pelo comentário, Josemar (aliás, também sou Rodrigues xD). Claro que permito, meu perfeccionismo não permite que hajam erros não corrigidos. Corrigirei agora mesmo. Um abraço!

Josemar    Tue, 02/01/2018 - 21:48

De nada!

Apesar de preferir meu sobrenome materno, que é português e imponente, uso o Rodrigues uma vez ou outra -- especialmente em situações oficiais, pois não tenho escolha.