• Gioachino Rossini

    Largo al factotum → traduction en portugais→ portugais

Partager
Font Size
Traduction
Permuter les langues

Abram caminho ao faz-tudo

Abram caminho ao faz-tudo da cidade.
Depressa, para a loja que já alvoreceu.
Ah, que belo viver, que belo prazer,
para um barbeiro de qualidade de qualidade!
 
Ah, bravo Figaro!
Bravo, bravíssimo.!
Muito afortunado de verdade!
 
Pronto para fazer tudo,
de noite e de dia
sempre em volta andando está.
Verdadeira sorte para um barbeiro,
vida mais nobre, não, não se tem.
 
Navalhas e pentes,
lancetas e tesouras,
ao meu comando
tudo aqui está.
Há o recurso
depois, da profissão,
com a mulherzinha... com o cavaleiro...
 
Todos me perguntam, todos me querem,
mulheres, garotos, velhos, mocinhas.
Aqui a peruca... Depressa a barba...
Aqui a sangria...
Depressa o bilhete...
Aqui a peruca, depressa a barba,
Depressa o bilhete, ehi!
 
Figaro, Figaro! Figaro! etc...
Ai de mim, que fúria!
Ai de mim, que multidão!
Um de cada vez, por caridade!
Ehi, Figaro! Estou aqui,
Figaro aqui, Figaro lá,
Figaro acima, Figaro abaixo.
 
Pronto, prontíssimo, sou como o relâmpago,
sou o faz-tudo da cidade.
Ah, bravo Figaro, bravo, bravíssimo;
pra você sorte não faltará.
 
Paroles originales

Largo al factotum

Cliquez pour voir les paroles originales (italien)

Aidez à traduire « Largo al factotum »
Collections avec « Largo al factotum »
Gioachino Rossini: Top 3
Expressions idiomatiques dans « Largo al factotum »
Commentaires