Reclame

Paroles, paroles… (Portugees vertaling)

  • Artiest: Dalida (Iolanda Cristina Gigliotti‎)
  • Gastmuzikant: Alain Delon
  • Nummer: Paroles, paroles… 30 vertalingen
  • Vertalingen: Arabisch, Bulgaars, Deens, Duits #1, #2, Engels #1, #2, #3, #4, Grieks, Hebreeuws #1, #2, Hongaars, Italiaans #1, #2, Japans, Kroatisch, Lets, Oekraïens, Perzisch #1, #2, #3, Pools, Portugees, Roemeens, Russisch, Servisch, Spaans, Turks, Venetan
Portugees vertalingPortugees
A A

Palavras, palavras

É estranho
Não sei o que me acontece esta noite
Eu olho para ti como pela primeira vez
Ainda palavras...sempre palavras
As mesmas palavras
Não sei mais como lhe dizer
Somente palavras
Mas tu és esta bela história de amor
Que eu não vou parar nunca de ler
Palavras fáceis, palavras frágeis
Foi tão belo
Você foi e será
Muito bonito
Sempre minha única verdade
Mas acabaram-se os dias de sonhos
As lembranças se apagam também
Quando às esquecemos
És como o vento que faz cantar os violinos
E traz de longe o perfume das rosas
Caramelos, bombons e chocolates
Por alguns instantes, eu não entendo
Obrigado, não por mim
Mas tu podes oferecer para uma outra
Que ame o vento e o perfume das rosas
Eu, as palavras carinhosas cheias de doçura
Estão em minha boca mas nunca em meu coração
Ainda uma palavra
Palavras, palavras, palavras
Ouça-me
Palavras, palavras, palavras
Por favor
Palavras, palavras, palavras
Lhe juro
palavras, palavras, palavras, palavras
Palavras que tu jogas ao vento
Eis meu destino... te falar
Te falar como a primeira vez
Ainda palavras... sempre palavras
As mesmas palavras
Como eu gostaria que você me entendesse
Somente palavras
Que tu me ouças ao menos uma vez
Palavras mágicas, palavras táticas
Que soam falsas
És meu sonho proibido
Sim, tão falso
Meu único tormento é também minha única esperança
Nada o faz parar quando começas
Se soubesses como desejo
Um pouco de silêncio
És para mim a única música
Que fez dançar as estrelas nas dunas
Caramelos, bombons e chocolates
Se não já não existisses eu o inventaria
Obrigado, mas não por mim
Podes bem se abrir para uma outra
Que ama as estrelas nas dunas
Eu, as palavras carinhosas cheias de doçura
Estão em minha boca mas nunca em meu coração
Ainda uma palavra
Palavras, palavras, palavras
Ouça-me
Palavras, palavras, palavras
Por favor
Palavras, palavras, palavras
Lhe juro
palavras, palavras, palavras, palavras
Palavras que tu jogas ao vento
Como és bela
palavras, palavras, palavras
Como és bela
Palavras, palavras, palavras
Como és bela
Palavras, palavras, palavras, palavras, palavra
Mais palavras que você joga ao vento
 
Toegevoed door kyonautekyonaute op Woe, 26/01/2011 - 11:50
FransFrans

Paroles, paroles…

Reacties
algebraalgebra    Do, 27/01/2011 - 13:19

Paroles, paroles, paroles...